Bem-vindo ao alphamatrix.org

Este projecto tem como principal finalidade juntar e dar a conhecer o que melhor se faz em Portugal nas áreas de software livre, software de código aberto e de software proprietário sem custos monetários para o utilizador, como por exemplo o freeware, careware, postalware, etc... Mas com principal relevância para o Software Livre e software de código aberto.

Atenção: Software Livre, Software de Código Aberto e Software Gratuito não são a mesma coisa.

IPBrick

"O IPBrick é um sistema operativo de rede que gere os serviços de intranet e comunicações, cujo objectivo é garantir a segurança na ligação da rede à internet. Ele filtra as comunicações tanto de entrada como as de saída, através de componentes como o relay do correio electrónico, antivírus, anti-spam, proxy, voip, firewall e detector de intrusão. Segundo os seus responsáveis do Porto, iPortalMais, é de fácil e rápida instalação, complexidade reduzida, estável ( é Linux, será preciso dizer mais?), seguro e de fácil integração ao sistema residente.
Este produto tem de ser adquirido e existe uma lista de fornecedores na homepage do IPBrick. Suporte e manuais também é coisa que não falta nesta distro."

Texto retirado de:
http://tuxvermelho.blogspot.com/2007/11/gnulinux-made-in-portugal-actual...

rating: 
0
Ainda sem votos
Partilhar: 
Categoria: 
Estado de Desenvolvimento: 
Idioma: 
Sistema Operativo: 

Comentários

O que faz uma citação a um software que é pago, e cujo código não estã disponível, num site cujo lema é "software opensource e gratuito português"?
E já agora, o facto de utilizar software com licença GPL, não obriga automaticamente o IPBrick a ser também GPL?

Desculpa pela demora na resposta.

Começa por ler isto:
http://opensource.org/docs/osd

O IPBrick inclui software que é opensource e que está disponivel gratuitamente na internet.
Desde que esse software não seja alterado não é preciso disponibilizar uma nova versão.
O IPBrick provalvelmente também inclui software desenvolvido pelos criadores da distribuição eles são livres de dar a licença que quiserem a esse software e é por causa desse software que se tem de pagar a distribuição.
Desde que o software criado por quem faz o IPBrick não seja derivado de software com licença GPL não existe qualquer obrigação de ser também GPL.
Esta não é a única distribuição de Linux que é paga.